Tamanho do Texto

 

Por: Beatriz Lucas

Kelly dos Anjos, Richard Santos Oliveira e os colegas de turma da EMEB Florestan Fernandes chegam animados para a aula de Educação para o Trânsito. Ao entrar na sala, se deparam com uma mesa que tem uma cidade desenhada e são orientados sobre a atividade. Os alunos são divididos em grupos, um em cada local (hospital, praça, condomínio, polícia) e recebem as peças para montar a cidade.

Após a montagem, os alunos explicam para a turma o que cada peça significa e como a construção foi planejada por eles. Enquanto isso, as instrutoras discutem os conceitos de travessia segura, regras de trânsito, o papel do passageiro e do pedestre, respeito às vagas de idosos, deficientes, o uso de equipamentos de segurança, entre outros. 

Esta é uma das ações da Prefeitura de Diadema, por meio da Secretaria de Transportes em parceria com a Educação, para a campanha Maio Amarelo que tem como tema "No trânsito, o sentido é a vida”. A atividade é oferecida dentro do Programa Cidade na Escola e tem como objetivo discutir a mobilidade urbana com as crianças de maneira lúdica. 

“A ideia desta atividade é que as crianças sejam multiplicadoras das ações que aprendem aqui. Temos ação durante todo o mês de maio para intensificar a sensibilização que já é realizada no decorrer do ano pela Secretaria de Transportes. São mais de 230 ações por ano nas escolas”, explicou o secretário de Transportes, José Carlos Gonçalves.

“Eu achei bem legal montar as peças que diminuem os acidentes de trânsito, como o farol. Eu aprendi que não pode correr quando estiver atravessando a rua, que não pode ultrapassar o farol vermelho, que é necessário reduzir a velocidade quando passar por uma lombada. Aprendi várias coisas bem legais”, contou Kelly dos Anjos, de 10 anos. 

Já Richard Santos Oliveira vai ficar atento pela cidade observando quem estiver cometendo alguma infração de trânsito. “Se eu encontrar alguém fazendo algo de errado, vou falar para prestar atenção e fazer a coisa certa”, falou. 

A cidade com blocos de montar passará por todas as escolas até o final do ano. Para os alunos da Educação Infantil, a mesa é substituída por um tapete e as peças são maiores para facilitar o manuseio. 

Outras ações

Além da cidade com blocos de montar, a Secretaria de Transportes está realizando ações como exposição de faixas educativas com foco no motorista, destacando mensagens como necessidade de atenção e respeito aos pedestres, não utilização do celular enquanto estiver dirigindo, não ultrapassar farol vermelho, respeito aos limites de velocidade, atenção aos ambulantes, entre outras. A Secretaria também está realizando blitz no farol com distribuição de material educativo, um porta lixo para o carro, e uma revista da Turma da Mônica destacando condutas importantes no trânsito. Os pedestres e passageiros contarão com ações nos terminais de ônibus Diadema e Piraporinha conscientizando a população. Especificamente para os motociclistas, em parceria com a Yamaha, haverá blitz com distribuição de antenas corta-pipa com informações para revisão e manutenção de motocicletas e orientação para dirigir em condições adversas.

Foca no Trânsito - Este ano a campanha quer chamar atenção dos motoristas também para o cuidado com os pedestres nas travessias. Quando um motorista para o carro na faixa para o pedestre atravessar, há o risco de os demais motoristas que estão próximos (como na faixa ao lado ou atrás) não terem a mesma visão. 

Maio Amarelo

O objetivo do Movimento Maio Amarelo é chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo, além de engajar o poder público, a sociedade civil, empresas e associações para debater o tema da Segurança Viária. Em 11 de maio de 2011, a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

Programa Cidade na Escola 

Cerca de 2 mil crianças são atendidas no contraturno escolar, uma vez por semana, no Programa Cidade na Escola da Prefeitura de Diadema. Para realizar as aulas, a Secretaria de Educação conta com parceria com três instituições principais, sendo o Instituto Cultural e Educacional Matéria Rima, que oferece oficinas de Hip Hop (rap, dança, graffiti, discotecagem), o Circo Escola, que realiza sensibilização circense com trapézio, aéreos, malabarismo, entre outros e a ACER Brasil com aulas de dança, música, percussão e artes, além de outros parceiros. 

 

Junho 2019
Do Se Te Qu Qu Se
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6