Tamanho do Texto

Por: Heloisa Vieira e Larissa Thayla

Na manhã desta quinta-feira, 6/12, a Prefeitura de Diadema realizou o encerramento das atividades de enfrentamento ao trabalho infantil na região leste, no Clube Mané Garrincha. O evento foi organizado pela Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC) e teve como público-alvo crianças e adolescentes.

Durante o mês, as escolas municipais, as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e as organizações parceiras da SASC realizaram atividades de mobilização, prevenção e enfrentamento ao trabalho infantil na região.

“O objetivo é informar, mobilizar e sensibilizar sobre a importância da prevenção e enfrentamento ao trabalho infantil. As ações por regiões são tão importantes quanto a Campanha que está em toda cidade, dessa maneira conseguimos trabalhar o tema de uma forma mais eficaz”, explicou a secretária interina da SASC, Caroline Rocha. 

O Teatro Fantoche do Lar Escola Jesuê Frantz realizou a abertura do evento com a apresentação da peça “A História de Anita”, que passou a mensagem de que as tarefas domésticas para crianças devem ser uma ajuda e não obrigação. Além disso, o Núcleo Educacional da Santa Casa de Diadema, a ABENCO e a Cia Sopa de Comédia realizaram apresentações musicais e teatrais sobre o tema de forma lúdica.

“Criamos o cenário como uma forma de chamar a atenção das pessoas, por meio da brincadeira, sobre esse tema que é tão importante”, comentou o estudante da Santa Casa de Diadema, Iago dos Santos, que ajudou a elaborar as apresentações.

As ações feitas para o Enfrentamento do Trabalho Infantil são uma iniciativa da COMPETI (Comissão Municipal de Enfrentamento ao Trabalho Infantil), em parceria com a SASC, CRAS Leste e CREAS Centro. As secretarias de Saúde, Educação, Desenvolvimento Econômico e Trabalho também fazem parte da campanha, assim como as  Organizações da Sociedade Civil: ABENCO, Lar Escola Jesuê Frantz e Santa Casa de Diadema.

Campanha de Sensibilização e Enfrentamento ao Trabalho Infantil

No mês de setembro, a Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC) lançou a Campanha de Sensibilização e Enfrentamento ao Trabalho Infantil de Diadema. Com o tema “Muitas crianças só são crianças quando sonham. Ajude a mudar essa realidade. Não incentive o trabalho infantil”, a campanha engloba folder, cartaz, outdoor, busdoor, vídeo institucional, peça teatral e um diagnóstico de trabalho infantil. O folder, que será distribuído para a população, contém explicações sobre o que é o trabalho infantil, o motivo pelos quais a criança não pode trabalhar – ressaltando que o trabalho infantil rouba a infância e condena o futuro - e como ajudar no combate ao trabalho infantil. O vídeo institucional, que será veiculado nas redes sociais, traz a mensagem de que o trabalho infantil acaba com o sonho da criança e incentiva a denúncia.

Além disso, o município conta com o Serviço Especializado de Abordagem Social que realiza a busca ativa e identifica, nos territórios, a incidência de situações de risco pessoal e social. Quando identificada a situação de trabalho infantil, tanto a família quanto a criança ou adolescente são encaminhados para os serviços do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) ou do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), e também para o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, que são desenvolvidos por Organizações da Sociedade Civil, em parceria com a Prefeitura.

Conheço uma criança que está trabalhando. Como faço para denunciar?

Conselho Tutelar I

Av. Antonio Sylvio Cunha Bueno, 1.322 – Jd. Inamar

Telefones: 4059-0569 e 4059-79-10

Conselho Tutelar II

Rua Oriente Monti, 201 – Centro

Telefone: 4053-8005

Conselho Tutelar III

Rua Guaricica, 45 – Piraporinha

Telefone: 4044-2171

Disque 100

www.humanizaredes.gov.br