Tamanho do Texto

Por: Julia Natulini  

Em comemoração ao Dia Mundial da Alimentação, 16/10, terça-feira,  a Prefeitura realiza a Semana da Segurança Alimentar e Nutricional, de 15/10 a 19/10,  que vai ocorrer no Restaurante Popular Campanário, CRESAND, entre outros pontos da cidade. Na programação estarão inclusas palestras sobre alimentos, além de workshop, oficina de culinária, avaliação de IMC (índice de massa corporal) e orientação para cultivo de mudas de ervas e temperos.  

A Semana da Segurança Alimentar e Nutricional oferecerá para a população informações e orientações referentes à alimentação e nutrição, respeitando a diversidade cultural, combatendo o desperdício de alimentos e estimulando um constante processo de aprendizagem sobre refeição saudável. O foco é a formação de bons hábitos nutricionais e a prevenção de doenças causadas pela falta de cuidados no uso dos alimentos.

Um dos destaques da programação é uma ação sobre Higienização dos Alimentos e Teste de Lavagem das Mãos,  a ser realizada na Feira Livre (Vila Élida).

Segundo a nutricionista e coordenadora do PEAND, Renatielly Paschoali Regis, quando se fala em Segurança Alimentar, de imediato as pessoas pensam em dietas rigorosas, perda de peso e alimentos diferentes para colaborar com a diminuição de doenças causadas pelo aumento de peso. No entanto, o papel desse programa vai além desses aspectos. 

Ainda de acordo com Renatielly Paschoali Regis, a Semana da Segurança Alimentar vai apresentar desde a cozimento de um alimento até os benefícios proporcionados por ele, como na palestra “Leitura e Interpretação dos Rótulos dos Alimentos com Degustação de Receita”, que será realizada no Supermercado COOP.  Nesse dia, a equipe da Secretaria de Segurança Alimentar irá preparar um bolo de maracujá com ingredientes menos calóricos.   

Quem comparecer às atividades também terá a oportunidade de conhecer a importância das composições dos alimentos e dicas sobre cultivo de ervas e temperos. “É fundamental as pessoas terem em mente que  essa semana vai além dos cuidados com o corpo e aparência”, ressalta a nutricionista. 

Além disso, de acordo com o secretário interino de Segurança Alimentar, Rodrigo Alves Silva, as atividades colaboram com o bem-estar dos participantes.  “As pessoas que comparecerem em um dos dias da programação ou aquelas que forem todos os dias, receberão instruções para manter a saúde em dia”.  

Os interessados em participar da Semana da Segurança Alimentar precisam se inscrever. Confira a programação completa e os telefones para inscrição aqui