Tamanho do Texto

Podem se inscrever pessoas acima de 5 anos de idade e as matrículas estarão abertas de 12 a 20 de março

Por: Iara Santos Luz

Quando voltar às aulas, na segunda quinzena de março, a Casa da Música de Diadema terá 650 alunos a mais que os 350 que se formaram em 2017. O aumento de 186% no número de vagas garantirá que este ano 1.000 moradores da cidade estudem na escola mantida pela Prefeitura e que promove formação musical gratuita.

“O incremento de vagas na escola foi um esforço da Prefeitura de Diadema para zerar a fila de espera e também ampliar e criar novos cursos para atender demanda”,  disse  o secretário de Cultura, Eduardo Mina.  Ele explica que o total de vagas geradas pelo poder público na modalidade, em todos os espaços de cultura, será de 1.590.  “É resultado da soma dos cadastros das oficinas culturais mais as matrículas realizadas na Casa”.

Cursos novos -  Com a mudança, a Casa da Música ganhou sete novos cursos  –  viola de orquestra, violoncelo ,contrabaixo acústico de orquestra, canto lírico, canto popular, teclado e musicalização infantil . Somando aos 15 já existentes, totalizam 22 formações, que em sua maioria duram, em média, 4 anos de aprendizado.  As graduações anteriores são os seguintes: bateria, cavaquinho, clarinete, contrabaixo elétrico,  flauta transversal, guitarra, percussão popular, piano erudito (clássico), piano popular, saxofone, trombone, trompete, violão erudito (clássico), violão popular e violino .  

Outra novidade é que a partir desse ano tudo que envolve música será cuidado pelos coordenadores da Casa. Isso facilitará o gerenciamento da linguagem dentro da secretaria e promoverá mais difusão cultural no munícipio.  “Além dos cursos vamos trazer ações complementares de formação como wokshops,  master class (aula magna) e palestras, com participações de especialistas renomados. Na parte da difusão teremos concertos, rodas de choro e música de câmara com grupos artísticos locais e convidados”, revela Minas .   

A reformulação na Casa da Música trará mais oportunidade para quem quiser se aprofundar na linguagem. Agora, todos os alunos que forem aprovados nas oficinas de música ministradas nos centros culturais terão vagas garantidas na escola mantida pela Prefeitura de Diadema.  Podem estudar na instituição pessoas acima de 5 anos de idade e  assim como as inscrições nos centros de culturais, na escola as matrículas também serão aceitas de 12 a 20 de março. 

Casa da Música Olímpio Martins 

Av. Alda, 255, Centro. 

Tel.: 4072-9302.